segunda-feira, 4 de abril de 2011

Hoje vou estar morta e vão enterrar-me e ninguém vai poder fazer nada para travar a guerra que vai haver nesta casa! Seja o que 'quem quer que seja' quiser, só sei que estou totalmente feita às postas.

Enviar um comentário