quarta-feira, 17 de agosto de 2011

Não há nada mais verdadeiro que isto

Mulher que é mulher pensa com o coração e esquece-se da cabeça. Acredita no amor à primeira vista, à distância, no amor a três se for preciso. Mulher que é mulher acredita que ele ainda lhe vai ligar, que ele ainda se lembra, que ele ainda a quer. Mulheres, todas diferentes mas no fundo, todas iguais. Mulher que é mulher vê a mesma mensagem 50 vezes no mesmo dia para tentar decifrar entrelinhas que não existem. (...) Mulher que é mulher inventa desculpas para si própria quando ele não lhe dá sinais de vida. Talvez esteja a dormir. (...) Sem rede. (...) Talvez se tenha esquecido do telemóvel em casa. Ou talvez até esteja à espera que seja ela a dar o primeiro passo, porque ele está inseguro e não quer dar numa de importado.  Tretas. Talvez ele não fale mesmo porque realmente não quer. Porque não gosta o mínimo dela para sentir a sua falta. Porque já não tem o número dela, não porque o perdeu mas porque o apagou. Mulher que é mulher lembra-se do dia em que se conheceram (...). Mulher que é mulher acredita que quando sonha com ele é porque ele a quer ver, que quando se engana e diz o nome dele em vez do que outra pessoa, é porque ele está a pensar nela. Mulher que é mulher pede o amor dele às estrelas, às velas, a Deus (...). Mulher que é mulher vê o horóscopo para tentar perceber o que vai na cabeça dele este mês. Mulher que é mulher gosta de escrever o nome dele em todo o lado, mesmo que nunca fosse capaz de o pôr num filho seu. Mulher que é mulher acredita simplesmente no amor, mesmo quando ele não existe e isso é o que todas as mulheres têm comum: acharem que eles olham para elas da mesma maneira que elas olham para eles.


Directamente retirado daqui!

Enviar um comentário