quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

Desta é que não estava mesmo nada à espera


Vou eu acompanhar a minha mãe a uma agência, para se increver para 'bater palminhas' nos programas de televisão e quem acaba como ela sou eu.
Um rapaz muito simpático, chega-se ao pé de mim e diz 'não vás embora antes de passares no meu gabinete'. Lá vou eu então (mais vermelha que um tomate) e o rapaz diz que precisa de mim para um programa da RTPÁfrica, para jovens que gostam de música. Claro, aceitei, mas nem estou a ver o que me espera.
Para além disto, tinham aparecido uns jornalistas da SIC que queriam filmar as pessoas que lá estavam para a reportagem 'histórias com gente dentro' (é algo assim) e estava eu toda animada, pelos vistos ia ser entrevistada, quando o camera man diz que o micro não tem pilhas (-.-). Claro que não podia ficar ali à espera e fui embora. Foi uma tarde bem passada, sim senhor.


Enviar um comentário