domingo, 9 de outubro de 2011

Das novas andanças



Descobre-se uma nova vida, uma nova fase: a fase universitária. Aquela que tanto desejei entrar. Aquela que finalmente me permite aprender o que mais gosto de fazer, que me permite demonstrar e partilhar os meus trabalhos com outros que partilham da mesma paixão.
Descobre-se que andar de metro, todos os dias, sozinha, não é assim tão mau (tirando algumas excepções). Até faz bem andar sozinha, por vezes.
Descobre-se que não é por toda (quase vá) a turma nova fumar, que temos também que nos juntar nesse aspecto.
Descobre-se grandes e novos amigos que, não sei se para a vida serão, mas que já fazem parte dela de uma maneira inexplicável.
Descobre-se as saudades que se tem dos tempos de secundário, das grandes amizades (que sim, serão para a vida) e até dos resmungões dos antigos professores.
Será sempre diferente de tudo o que vivi até agora (em alguns casos, porque há outros que nunca mudam), mas serão sempre bem vindos. Eu que odeio mudanças, a esta estou a habituar-me bastante bem e estou ansiosa pelo que ainda aí vem.

13 comentários:

Niqui disse...

Gostei imenso deste :)

Niqui disse...

Estou ansiosa por descobrir essas coisas também :)

susana disse...

Também me sinto assim, nem tudo é mau! E concordo muuuito na parte do fumar, acho que sou uma de poucos que não fumam na minha turma :p

Telma Palma disse...

gostei

Lady C disse...

Amanhã começo a sério, no sítio certo, toda esta nova vida! Vamos lá ver como corre, mas só consigo pensar que vai correr bem, como tem que ser :)

Daniela disse...

Aiiee querida, espero que corra tudo pelo melhor e que, todas as tuas mudanças, apesar de não gostares, te surpreendam e que te mostrem que foi uma boa escolha :) <3

mary disse...

gostei de ver que te estás a dar bem...
realmente o meu testemunho face aos aspectos que descreveste são totalmente o oposto. transportes publicos suportei durante um ano e depois foi o grito do ipiranga. comprei um carro e fizesse chuva ou fizesse sol nunca mais submeti-me ao sofrimento de andar neles. toda a gente fumava e eu entrei na onda, mas felizmente saí a tempo. as amizades do secundário com o passar do tempo desapareceram. e as amizades da faculdade, rapidamente percebi que serviam apenas como companhia para festas ou para pedir apontamentos.
acabar a faculdade, para mim, foi um alivio enorme.
e fico mesmo, mesmo contente ver que ha experiencias que sao completamente o oposto da minha...
ja merecias algo de muito bom na vida :)

marta disse...

Adorei :) Que curso é?

sara oliveira disse...

ainda bem anjo, espero que continue a correr tudo pelo melhor ((:
ps: um post para ti no meu blog *

zoey disse...

mas acho que esta mudança te vai fazer bem, claro :)
é uma nova fase da tua vida, e pelo que dizem, a melhor! aproveita-a :)

sara oliveira disse...

obrigada dani, és linda! ((:

Gonçalo disse...

estou de igual para igual ctg!! estou a passar pelo mesmo :D

marta disse...

De nada linda (: Eu ainda não ando nessas andanças :x mas e que tal o curso é fixe? :D