sexta-feira, 30 de setembro de 2011

Da noite para o dia

Ontem foi dos melhores dias do mês.
Jantar de curso + mega festa do caloiro = praxe, diversão, cantorias, bebida e muitas, muitas fotografias.
Começando pela praxe: o meu curso não tem (são as regras mais estúpidas de que já ouvi falar) dentro da faculdade, porque do lado de cá estamos à vontade para fazer o que quisermos. E assim foi. A culpa foi minha, de andarmos a fazer figuras pelo centro comercial a dentro. Foi minha porque fui a única que disse que queria ser praxada e levei os outros todos atrás. Durante o resto da noite foi só cantar, dançar e conviver (tudo o que não se pode fazer quando se tem uma mãe como eu em casa).
Veio a parte pior: a de voltar para casa.
Hoje o meu dia foi digamos que, tudo menos positivo. Com bastantes precalços pelo meio (para não falar do taradão que me apareceu hoje no metro), discussões e proibições também.
Enfim, dias melhores virão.

12 comentários:

Lady C disse...

Tenho que saber isso tudo :o

Matilde disse...

Tens é que aproveitar e divertir como se não houvesse amanhã quando a tua mãe te deixa fazer uma determinada coisa :) Diverte-te querida!

Inês disse...

Sim, querida. Dias melhores virão!

sara oliveira disse...

vejo que está a começar bem a faculdade ((: fico feliz por ti dani! e quanto a tua mãe, nao ligues, são todas assim, mas é pq gostam mt de nós :b tenta ter paciencia *

Lady C disse...

Então mas porquê? :s amanhã ligo-te e contas-me tudo...

sara oliveira disse...

ainda bem ((: não, 11º ainda ihih
oh acredita que sao todas iguais :b

susana disse...

Já tiveste esta semana que pelos vistos foi fantástica, então vão voltar coisas boas vais ver :)

' dianasilva disse...

Ainda bem que te divertis-te (:

Matilde disse...

Percebo perfeitamente isso das horas...Por exemplo, os meus pais antes só me deixavam sair até á 00h, quando já todas as minhas amigas podiam ficar até á 1h ... Depois quando finalmente consegui ficar até á 1h elas já podiam todas ficar até ás 2h ou 3h ... Agora já nem me dão horas, mas normalmente quando vou sair chego sempre por volta das 4horas, no dia seguinte há sempre chatices porque "ando nas noites". Quando vamos tomar café ou dar uma volta, os pais delas dizem sempre " mais tardar x horas em casa" e os meus pais não ... Mas se chega por exemplo á 1h30 e ainda não cheguei mandam-me logo mensagem :/ é ter paciencia

Matilde disse...

Aii :s a minha só me manda mensagens, a perguntar onde estou e com quem estou e isso, mas como nunca lhe dou respostas concretas cada vez manda menos. Antes até telefonava, mas o tempo de sair do bar ou da confusao para atender o telefonema era o tempo de ela desligar, entao desistiu.
Mas nao podes desanimar, pelo menos consegues sair ;)

Matilde disse...

Exacto, e tens que aproveitar :) beijinhos

mary disse...

tenho uma mãe tão maravilhosa que não consigo acreditar que todas as mães não são como a minha :( nunca conheci outra diferente e não aceito que se possa ser mãe de outra forma que não aquela que eu conheço... que ama incondicionalmente, que da liberdade e confia, que so vive para nos ver feliz.
mas eu fico aqui a torcer para que esses dias melhores se sobreponham aos piores!